top of page
Buscar
  • Foto do escritorThiago Oliveira

Parcelamento/Reparcelamento de ME/EPP/MEI a partir de 01/11/2020 - SIMPLES NACIONAL



Instrução Normativa RFB nº 1981, de 09 de outubro de 2020 altera a Instrução Normativa RFB nº 1.508/201414, que passa a vigorar com as seguintes alterações:

A - Os pedidos de parcelamento deverão ser apresentados exclusivamente por meio do sítio da RFB na Internet, no endereço http://www.receita.economia.gov.br, nos Portais e-CAC ou Simples Nacional.

B - Será admitido reparcelamento de débitos constantes de parcelamento em andamento ou que tenha sido rescindido, hipótese em que o contribuinte deverá desistir expressamente de eventual parcelamento em vigor.

É vedado o parcelamento enquanto não integralmente pago ou rescindido parcelamento anterior.

O deferimento do pedido de reparcelamento fica condicionado ao recolhimento da 1ª (primeira) parcela, cujo valor deverá corresponder:   I - a 10% (dez por cento) do total dos débitos consolidados; ou

II - a 20% (vinte por cento) do total dos débitos consolidados caso haja débito com histórico de reparcelamento anterior.

C -  O reparcelamento fica sujeito ao prazo máximo de 60 (sessenta) meses.

A norma entra em vigor no dia 1º de novembro de 2020.



Fonte: Receita Federal do Brasil

37 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Golpe empresas do simples nacional!

Um novo golpe está buscando os empresários do Simples Nacional, incluindo os Microempreendedores Individuais (MEIs), que têm dívidas tributárias pendentes com o Fisco. A nova fraude surge em meio ao p

Comentarios


bottom of page